Nome:
Local: Brasília, DF, Brazil

Bardo da Ordem Druídica Vozes do Bosque Sagrado.

6 de julho de 2006

Olhar para Trás

"Meu olhar é nítido como um girassol
Tenho o costume de andar pelas estradas
Olhando pra a direita e para a esquerda
E de vez em quando olhando para traz...
E o que vejo a cada momento
É aquilo que nunca antes eu tinha visto..."

Fernando Pessoa
Olhar para o passado pode ser uma fonte de sabedoria, uma profusão de memórias dolorosas ou um ocaso de mil pensamentos.

Seja como for, quando sabemos olhar com tal nitidez, é uma experiência válida.
Pode deixar suas cicatrizes, sim, mas é válido.


Com contribuição de Elias Silveira.

4 Comentários:

Blogger Aileen disse...

Se eh!!! =)

06 julho, 2006 22:09  
Anonymous Ricardo Ramos disse...

Olá Malhado.

Verdade mesmo, sempre temos que olhar para tras, ver e analisar o que ja se passou. Dependendo do caso a cicatriz pode sim ser dolorosa e duradoura porem sera uma experiência valida sim.

Hoje em dia o que mais estou fazendo é isso, olhando tudo o que ja se passou comigo, ao menos esses 7 meses passado. Quero analisar muito bem os erros de ontem para que amanhã não os cometa novamente.
Obrigado pelas palavras aqui, sempre me ajudam de alguma forma.

06 julho, 2006 22:23  
Anonymous Mel disse...

Ô... (precisa dizer mais?)

06 julho, 2006 22:53  
Blogger Pedro Ivan disse...

Esse Fernando Pessoa é danado viu... poeta excelente (embora prefira um tal de Alberto Caeiro.... =P bem fazer a vontade do coitado de ser outra pessoa neh?)

Nunca havia pensado nisso antes, mas concordo plenamente, olhar para tras nos traz uma nova visão, nem melhor nem pior, apenas uma nova visão, provavelmente menos parcial =)

se não aprendermos com nossos erros e cicatrizes, vamos aprender quando? Sabe-se lá neh? Que o passado nos ensine sobre o futuro =) (afinal, o que eh passado e o que eh futuro?)

23 julho, 2006 17:44  

Postar um comentário

Links para este texto:

Criar um link

<< Voltar à página inicial