Nome:
Local: Brasília, DF, Brazil

Bardo da Ordem Druídica Vozes do Bosque Sagrado.

3 de julho de 2006

O Trilhar Suavemente

"O Eu é o mestre do eu. Que outro mestre poderia existir?
Tudo existe é um dos extremos.
Nada existe é outro extremo.
Devemos sempre nos manter afastados desses dois extremos,
e seguir o caminho do meio".

Sidarta Gautama
Ah... se mais pagãos lessem e compreendessem esse conceito que Buda deixou para a humanidade... as coisas seriam bem mais simples.

O caminho da vivência cristã para a vivência pagã, principalmente em sociedades como a brasileira, é mais simples quando o fazemos degraus a degrau, pois aos solavancos dificilmente chegaremos a uma visão pelo menos "pouco distorcida" do que realmente esteja no horizonte que vislumbramos.

Sempre recomendo, paralelamente ao ensinamento pagão, palavras de outras correntes religiosas nesse processo de transição, pois o choque de realidades às vezes afasta pessoas que poderiam acrescentar muito ao Paganismo, mas não conseguem encarar uma quebra tão drástica em suas vidas e suas rotinas.

O caminho pagão pode ser suave. Basta saber trilhá-lo desta forma.

4 Comentários:

Anonymous Ricardo Ramos disse...

Ola Malhado, primeira vez aqui né? eheh Então, primeira vez escrevendo mas sempre estou aqui lendo, aprendendo, conhecendo traduzindo coisas novas a mim. Ja aprendi muito com seus dizeres. Suas palavras me agradam e muito.
Obrigado :)

Ps:Gostaria de ler mais sobre a cultura pagã, onde posso olhar?

04 julho, 2006 00:41  
Blogger Pedro Ivan disse...

é muito bom beber de outros rios, ainda mais quando este rio se chama budismo ^^

mas de buda o que mais adimiro foi o fato de nos obrigar a questionar o que ele mesmo falava, este é um ensinamento a ser seguido (e questioná-lo nos tras muito proveito também)

nem fala em choques e confusão mental, veja só onde estou, perdido, bem mais perdido que cego em tiroteio, porque ele sabe que está num tiroteio, nem onde estou eu sei... mas como disse o mestre "não sei onde estou indo mas sei que estou no meu caminho... (... enquanto vc me critica estou no meu caminho" [pantanismo?] hehehe)


todo caminho é mais leve se a toada é lenta e macia (com direito a umas paradinhas na sombra)

o/ até daqui a uns 20 dias, vou dar minha paradinha debaixo de uma sombra... do Araguaia! (Crixás na verdade)

04 julho, 2006 11:15  
Blogger Su disse...

Será que o tempo pode também ser suave?
Será uma forma lenta de aprendizado também é uma forma suave de trilhar um caminho?
Beijos

04 julho, 2006 12:52  
Anonymous ashore angel disse...

Tambem acho suave e simples,e é tão óbvio e delicioso,que ñ compreendo porque as pessoas complicam seus caminhos...
bjs especiais para ti,uma pessoa tão especial!

05 julho, 2006 13:14  

Postar um comentário

Links para este texto:

Criar um link

<< Voltar à página inicial