Nome:
Local: Brasília, DF, Brazil

Bardo da Ordem Druídica Vozes do Bosque Sagrado.

12 de julho de 2006

O Semear de Si

"Semeia um pensamento e colherás um desejo;
semeia um desejo e colherás a ação;
semeia a ação e colherás um hábito;
semeia o hábito e colherás o carácter"

Tihamer Toth
O semear está na base do termo "Paganismo" que a maioria de nós conhece. Mas não somos mais os "homens do campo" nem os "civis" que não se alinharam ao exército da religião menina que hoje predomina na sociedade em que vivemos, e muitos pagãos (e neo-pagãos) que conheço afirmam contundentemente que o homem moderno não planta mais.

Concordo com eles... Poucos somos os que realmente plantamos algo, nos dias de hoje. E raro são os que têm a terra para plantar o alimento que consomem ou que têm o provilégio de viver, mesmo nas cidades, com suas "tribos".

Mas o ato de plantar não é nem de perto o cerne do Paganismo. Há conceitos os mais diversos de religiosidade para religiosidade, panteões diferentes (e em alguns casos - como no dos povos celtas - não há um panteão unificado), normas e ritualísticas às vezes tão diferentes que espantam quem as compara. O Paganismo é um mosaico de culturas e crenças que têm alguns pontos em comum, e nenhum deles nos obriga a ser morador de campo nenhum, mas observar o ritmo do solo que nos sustenta e nutre.

Assim, antes de limitar-se a um conceito obtuso, aprenda com esse mesmo termo torto um outro conceito, extremamente importante: o de semear.

Em nossas vidas, temos diversas opções, diversos caminhos e diversos momentos, e quando decidimos por semear algo, damo-nos a oportunidade de conhecer mais e mais a semente que somos e tornamos a árvore que temos capacidade de ser. Do pensamento chegamos ao caráter, e da vontade chegamos à realizaçãod e nós mesmos ou mesmo daqueles que tenhamos a oportunidade e responsabilidade de guiar.

O semear é uma questão de escolha e de compromisso, e isso deve ser feito pessoalmente, entre nós e os Deuses. O importante no semear, além de fazê-lo com precisão e entrega, é aguardar o tempo da colheita para que o que plantarmos tenha tempo para crescer forte e firme.


Semeie a si mesmo escutando "Cio da Terra", cantada pelo Quarteto em Cy.
Acompanhe a letra clicando aqui.

Com agradecimentos a Tatiana Mamede pela Inspiração.

7 Comentários:

Blogger Tatiana Mamede disse...

Semear-se, verter-se no tempo.
Colher-se, reconhecer o tempo em você.

Adaptar idéias não é fácil. Menos complicado é vesti-las com idéias marrons e mesquinhas que se pretendem inteligentes e donas da verdade.

Num ambiente assim árido, é sempre bom contar com o bom senso de pessoas como nós, dispostas a mostrar outras faces de um mesmo conceito e aptas a levar os conceitos alheios em consideração, sem ofensas, e com o necessário respeito.

Seja qual for a religião, ou a maneira de exercitar a religiosidade, seja qual for a cor da sua pele ou o país em que nasceu, o importante é manter o diálogo, e crescer, um com o outro, sem invadir o território das raízes que cada um traz consigo.

Beijos.

12 julho, 2006 19:02  
Anonymous Anônimo disse...

Semear representa responsabilidade com aquilo que vc escolhe para plantar. O mal de hoje em dia é sair a esmo, sem responsabilidade, sem preocupação com o amanhã, esquecendo que o amanhã depende do que fizermos hoje.

Lindo texto, Bruxinho...vc como sempre, muito inspirado!

Bia

12 julho, 2006 19:10  
Anonymous ashore angel disse...

É VERDADE O IMPORTANTE É SEMEAR COM ENTREGA,A COLHEITA SERÁ PROVEITOSA!PENA QUE SOMOS POUCOS!
POST LINDO,COMO SEMPRE!
BJS E BENÇÃOS

12 julho, 2006 19:52  
Anonymous Mel disse...

Semear e colher.
Pode ser vento e tempestade.
Pode ser carinho e amor.
Pode ser amizade e fraternidade.
Pode ser maldade e horror.
Pode ser e pode não ser.
Semear e colher é do primeiro respirar, pela manhã, ao suspiro longo antes do sono... e continua, dentro de nossos sonhos.
Portanto, semear e colher é 24 horas por dia.
Boa labuta!

12 julho, 2006 20:35  
Blogger Imperatrix disse...

Ah...sabe que agora que me mudei eu estou podendo sentir muito mais a terra. Aqui tem horta e árvores frutiferas...e andei arriscando botar umas sementes na terra e ver...
Já tem umas romãs minusculas brotando! E essas pequenas já podem ensinar tanta coisa, como vc diz...sobre tempo, cuidados, responsabilidades...
Bençãos dos Antigos (Vou fazer uma mudinha de romã pra vc, se algum dia nos encontrarmos, presente da terra)

12 julho, 2006 22:09  
Anonymous Ricardo Ramos disse...

" Frutos
A arvore carregada de frutos se inclina para todos." (Proverbio Chines)

Devemos sim semear e muito hoje para evitar não colher nada amanhã. Saibamos semear o certo para colhermos os "frutos" certos. Semeie com amor e calma, sem pressa para a colheita, assim os "frutos" crescerão mais forte e com mais força. Infeliz aquele que não se preocupa consigo mesmo, tão pouco se preocupará com o outro.

Hoje estou plantando novos "frutos" para uma melhor colheita amanhã, pois os frutos que plantei no passado, hoje estou colhendo-os sem gosto, sem sabor, todos murchos e secos.

Obrigado pelas palavras, sempre me ajudando, sempre.

Bençãos Malhado

13 julho, 2006 16:53  
Blogger Pedro Ivan disse...

semear coisas boas (frutas são uma coisa excelente!!) para colher mais frutos (que por sua vez, geram mais sementes =)

eh este o principio

23 julho, 2006 18:43  

Postar um comentário

Links para este texto:

Criar um link

<< Voltar à página inicial