Nome:
Local: Brasília, DF, Brazil

Bardo da Ordem Druídica Vozes do Bosque Sagrado.

13 de agosto de 2007

"O que é um Amigo?

Uma única alma habitando dois corpos."

Aristóteles



O elo que se forma numa relação de amizade pode ser eterno. Basta sabermos cultivá-lo. Hoje não há muito a dizer, a não ser esta pequena homenagem e o agradecimento pela amizade e força que recebo dos amigos que sabem o quanto moram em meu coração e estão carvados em minha alma.

E se não sabem, que eu os possa lembrar disso.


Lembre os seus amigos de toda hora escutando "You give a little love", cantada por Paul Williams. Acompanhe a letra desta canção.

Com agradecimentos a Rafael Ocult pela frase, e especialmente dedicado ao meu médico e amigo de todas as horas, Dr. Ícaro Alves, que celebra hoje mais um ciclo de vida.

Marcadores: ,

4 Comentários:

Anonymous Edson Marques disse...

Malhado,

essa frase de Aritóteles, profunda e belíssima, eu não a conhecia.

Você sempre descobre pérolas!

(Vou escrever mais sobre o meu vô Joaquim).


Abraços, flores, estrelas...

14 agosto, 2007 16:20  
Blogger Tami Fada disse...

Um abraço sincero

de uma Amiga

que te admira muito!

Mesmo à distância...

=]

14 agosto, 2007 18:14  
Anonymous rafael ocult disse...

:) amigo malhado
voce realmente eh um grande amigo

apenas agora vejo isso q postou aki e nao era de meu conhecimento.

felicidades pra ti.. grande amigo q as vezes some, mas ainda assim nao esqueco..

abracos

16 agosto, 2007 08:32  
Blogger Pensamentos e Sentimentos de um Druida Verde disse...

A amizade é o dom da alma humilde,mesmo que nos campos da mortalidade um ser não conheça o outro pessoalmente,isso não significa que este não seja amigo,creio na amizade que se sente no poder das palavras,no sentimentos que esta propaga,sei que somos já bons amigos,mesmo que os braços não se toquem em saudação um ao outro, a essência que nos constitui irmão bardo já se entrelaçou no bom sentimento existente,um guardião antigo,um dragão verde do carvalho, agora conjura a ti bençãos plenas,e que a essência pura tal qual erva molhada pela chuva,abençoada por Airmid possa continuar a exalar de sua alma,esse mesmo dom que me faz olhar com bons olhos este nemeton onde as vozes dos bosques satisfeitas se tornam poesia saudando a humildade e seriedade com sua presença;Que vc caro bardo e a irmã Cecília possam sempre preservar isso,e entender a importância do papel assumido pelos mesmos,não permitam que os desagradáveis odores do ego e lucro,desfaçam este elo entre nós,entre os que os respeitam,entre Annwn e os povos tuath dée dánann,filhos dos dons,dos oficios,da arte de gerar algo melhor....

.*.
/|\
O DRUIDA VERDE
NORHUYAS ABRAMESTH SMARAGDUS

06 setembro, 2007 20:28  

Postar um comentário

Links para este texto:

Criar um link

<< Voltar à página inicial